FIES 2018: Inscrições e Mudanças

Recentemente, o Senado Federal aprovou uma medida provisória que altera alguns pontos para o Fies 2018, o Fundo de Financiamento Estadual. A partir de agora, as mudanças propostas se encaminham para a sanção do presidente da república, Michel Temer.

Caso você esteja pensando em recorrer a essa alternativa para entrar no ensino superior neste ano, é essencial ficar atenção as mudanças para não ser surpreendido de maneira negativa. Confira a seguir as principais alterações no Fies!

Mudanças no FIES 2018

A principal mudança no texto é a possibilidade de novas vagas com financiamento a juro zero para alunos com renda da família de até três salários mínimos por mês. Hoje em dia, a taxa praticada dos juros é de 6,5% por ano.

Além de a quantia ser equivalente a renda do estudante em questão, as alterações continuam com a necessidade de arcar com as parcelas do financiamento pelo cidadão depois da conclusão de sua formação acadêmica.

FIES 2018
Confira as mudanças para o FIES 2018

Isso acontece porque o programa governamental de acesso a educação já teve uma inadimplência de 46,4%, e um fundo garantidor aquém do esperado para a conservação do financiamento de bolsas de estudos. Em 2016, o prejuízo fiscal desta iniciativa atingiu o patamar de 32 bilhões de reais, quantia 15 vezes acima das despesas apresentadas em 2011.

De acordo com o ministro da Educação, Mendonça Filho, as alterações no Fies 2018 feitas pelo Congresso Nacional tem o objetivo de assegurar a existência do projeto a longo prazo.

Assim, é possível garantir a sustentabilidade do Fies por alguns anos, apresentando uma chance maior do jovem em condição de vulnerabilidade social se qualificar e encontrar uma vaga no mercado de trabalho a fim de se sustentar com dignidade.

Conheça o novo modelo do Fies 2018

Segundo o Ministério da Educação, o Fies 2018 contará com 310 mil vagas, separadas em três modelos. Na primeira modalidade, serão fornecidas 100 mil oportunidades, a juro real zero, a alunos com renda familiar per capita de até 3 salários mínimos por mês.

Os recursos para manter esse financiamento serão oriundos da União. Com relação a categoria 2 e 3 se referem a alunos com renda per capita por mês com até 5 salários mínimos. A origem destes recursos será de fundos constitucionais para a modalidade dois, bem como do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a modalidade três.

Matriculas para o FIES 2018

Levando em consideração os processos dos últimos anos, o estudante que deseja aprovar o FIES 2018 deve ficar atento aos anúncios do Ministério da Educação nos primeiros dias de fevereiro. Provavelmente, o período para inscrição acontecerá entre os dias 6 e 9 de fevereiro.

Matriculas para o FIES 2018
Matriculas para o FIES 2018

Caso você queira tirar mais algumas dúvidas e conferir todas as condições para ser aprovado no Fies 2018, a dica é acessar com freqüência o site oficial do MEC, tendo o seu CPF, um email válido e a data de nascimento a sua disposição.

A partir daí, você pode explorar o endereço eletrônico, conhecer todas as categorias de financiamento e encontrar a que se encaixa na sua renda familiar atual!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *